Quantos anos são necessários para se recuperar um instante?

Estava pensando no que escrever, afinal, minha confusão triplicou... e até penso estar um bocado doida, para não dizer lunática, imaginando coisas... de acordo com a @gabyvalasco é a primeira fase, a NEGAÇÃO.
Estou mesmo imaginando? Foi coincidência? Se eu pensar que foi mesmo coincidência e eu estou imaginando, posso pensar em outras coisas...imaginar a amizade e o companheirismo.. a lembrança. Caso contrário, me entrego para a dor que muito em breve vai chegar, afinal, não corrigimos aquilo que não achamos que seja um erro... e é assim que eu vejo, um grande erro. Erro meu por acreditar, e erro da rotina que é completamente diferente. Confuso? Imagina isso tudo dentro da minha cabeça, dando loopings a 180km por hora, ziguezagueando por meus pensamentos.. ocupando meu tempo. 
Bom, algum psicologo aí ja deu o veredito? Estou mesmo endoidando?
Me peguei pensando no passado pra variar, como eu estaria se tudo fosse diferente? Por causa de uma escolha que fizemos, TUDO mudou, e essa foi uma das poucas vezes em que posso dizer isso, uma decisão poderia ter mudado toda a minha vida e de pelo menos mais 4 pessoas, parei para pensar que a cada segundo que se passa, cada minuto, cada hora, cada dia... tomamos decisões, coisa de momento, que na hora fazem o maior sentido e depois, viram de cabeça para baixo, mostrando que um mísero detalhe faria toda a diferença... onde eu estaria se NAQUELE dia tudo tivesse terminado diferente? Como seria minha vida hoje? 
Antes que eu enlouqueça... é melhor parar por aqui... até o próximo min de insanidade, quando eu abrir novamente o blog e vomitar minhas confusões recentes.

Comentários

jefhcardoso disse…
Laris, é com prazer e poesia, que venho convidar para que conheça meu blog de textos variados, Literatura caseira, e impressões de uma vida intensa. Os blogs de beleza possuem muito em comum com o meu blog, pois é na leveza da beleza que me inspiro, e luto contra o tempo. Atualmente trabalho um texto forte (O Rei Dos Picaretas), não sendo de cunho poético, porém se se der ao desfrute de olhar mais adentro verá que a poesia transborda todo o tempo ali.

*Entre o sonho e a realidade eu prefiro a realidade que me permita sonhar (Jefhcardoso) http://jefhcardoso.blogspot.com